Connect with us

Colunistas

Identificando oportunidades para novos canais de venda

Published

on

novos canais de venda; empresário do comércio

Ao longo da jornada de crescimento de uma empresa, é comum deparar-se com canais de venda que, de alguma forma, foram parcialmente desenvolvidos ou explorados. Sejam eles tentativas de parcerias, vendas diretas, e-commerce ou outros, essas oportunidades podem ter sido negligenciadas, muitas vezes devido a uma falta de recursos ou a uma concentração excessiva em outras áreas do negócio. No entanto, é essencial que as empresas reconheçam o valor intrínseco de novos canais de venda e invistam tempo e esforço em revisitá-los. Isso envolve uma análise profunda das vantagens e desvantagens de cada canal, bem como a avaliação das complexidades associadas a eles e das tendências no setor.

Um plano de expansão eficaz não pode ser feito de maneira desconectada da experiência passada do cliente e da estrutura atual da empresa. O que parece ser um canal promissor em um determinado momento pode estar desalinhado com a realidade do negócio, e os resultados esperados podem demorar a se concretizar, comprometendo os recursos e o tempo investidos. Portanto, a análise criteriosa desses fatores é crucial antes de seguir adiante na escolha de um novo canal de venda.

Além disso, é importante considerar que a expansão de novos canais de venda não é uma abordagem única que serve para todas as empresas. Cada organização possui suas particularidades e desafios, o que significa que não existe uma solução universal. O que funciona para uma empresa pode não ser adequado para outra.

Nesse sentido, a customização do plano de expansão é fundamental. Isso significa ajustar a estratégia de acordo com os recursos disponíveis, o conhecimento do mercado e a capacidade de implementação. Muitas vezes, a expansão de canais é um processo gradual, que requer paciência e adaptabilidade.

Uma dica valiosa é considerar a jornada do cliente. Onde e como seus clientes preferem comprar seus produtos ou serviços? Essa pergunta é fundamental para determinar a direção a ser seguida. Se seus clientes estão migrando para compras online, por exemplo, investir em um e-commerce mais robusto pode ser uma escolha inteligente.

Outra consideração importante é a concorrência. Analisar o que seus concorrentes estão fazendo em termos de canais de venda pode fornecer insights valiosos. Se um determinado canal tem sido bem-sucedido para seus principais concorrentes, pode ser uma indicação de que vale a pena explorá-lo.

Em resumo, a expansão de novos canais de venda é uma estratégia complexa que requer um planejamento cuidadoso e uma análise profunda da situação atual do negócio, das tendências do mercado e das preferências do cliente. A escolha do canal certo pode abrir novas oportunidades de crescimento e fortalecer a presença da empresa no mercado. No entanto, é importante lembrar que não existe uma abordagem única, e cada empresa deve adaptar sua estratégia de acordo com suas próprias circunstâncias e recursos. Continue acompanhando nossos próximos artigos para obter mais insights sobre como selecionar o canal de venda ideal para o seu negócio.

Imagem: iStock


Deborah Machado Especialista em franquias e gestão de processos, Deborah Machado é sócia-diretora do Grupo Goakira. É formada em Processos de Produção pela FATEC e Auditoria de Qualidade pela Procter & Gamble. Seu maior objetivo é promover canais de expansão para empreendedores a partir do seu conhecimento em processos e geolocalização, compartilhando experiências com pequenos, médios e grandes empresários para viabilizar a excelência em suas operações.