Connect with us

E-commerce

Maioria dos consumidores desiste de compras online por valor da entrega

Pesquisa afirma que mais da metade dos consumidores paga mais caro só para obter frete grátis

Published

on

Mulher fazendo compras online com seu cartão; e-commerce, vender online

Para grande parte dos consumidores, o valor da entrega é o aspecto determinante na hora de efetuar uma compra online. Isso é o que apontam dados obtidos pela pesquisa Fretes e Entregas no e-commerce/2023, realizada pela Opinion Box. De acordo com o levantamento, 67% das pessoas desistem de comprar em uma determinada loja caso o preço do frete seja alto demais.

A pesquisa também perguntou para os clientes de lojas online quais motivos os levam a escolherem onde comprar produtos. Para 68% dos consultados, o fator que mais motiva é o preço do item em questão. Logo depois, com 65%, está o valor do frete (ou a opção de frete grátis).

É possível observar uma tendência ao analisar os dados levantados pela pesquisa: o consumidor, em geral, não se importa em pagar mais por um número maior de produtos, desde que o valor do frete seja gratuito. Isso se nota ao ver que 79% das pessoas têm o hábito frequente de simular o valor da entrega quando as compras ainda estão no carrinho, além de 54% inserirem mais itens só para conseguirem o direito ao frete grátis.

A simples opção de frete grátis molda os hábitos dos consumidores do e-commerce. De acordo com a pesquisa, 70% dos clientes afirmam ter a ideia de comprar em uma loja, mas migrar para outra que oferecia a entrega gratuita de um produto. Além disso, 63% dos consultados desistiram de uma compra online por não ter a opção de frete grátis.

Um problema que acomete os consumidores de lojas online e que foi apontado pelo levantamento são os problemas com entregas de produtos. Embora hoje em dia as pessoas afirmem que os prazos dos serviços de e-commerce estão sendo cumpridos, 2 em cada 3 consumidores já experienciaram problemas com o recebimento de itens.

Entre os problemas citados na pesquisa, o líder entre os clientes é a mercadoria chegar após o prazo estipulado (57%), seguido de um empate entre produto não entregue sinalizado como entregue pela empresa e produto entregue com defeito ou sem funcionar (ambos com 36%).

Mesmo assim, 1 em cada 3 pessoas consultadas consideram provável ou muito provável voltar a fazer compras em uma loja após sofrer com problemas na entrega. E esse número muda quando é feito o recorte por idade: 38% dos clientes na faixa de 16 a 29 anos comprariam de novo, 33% entre 30 e 49 anos seguiriam como consumidores da loja e, por fim, 27% dos consumidores acima de 50 anos consideram provável efetuar novas compras.

A pesquisa foi feita pela Opinion Box, entrevistando 2.117 pessoas que efetuaram compras online no Brasil inteiro, sendo 47% homens e 53% mulheres. Os dados foram coletados em junho de 2023.

 

Mulher fazendo compras online com seu cartão; clientes desistem de comprar pelo valor do frete

Happy, joyful young African American woman with curly hair online shopping using laptop and credit card lying on bed in bedroom.E-commerce concept.

Imagem: Envato

  • Mulher fazendo compras online com seu cartão; e-commerce, vender online

    Happy, joyful young African American woman with curly hair online shopping using laptop and credit card lying on bed in bedroom.E-commerce concept.

  • Mulher fazendo compras online com seu cartão; e-commerce, vender online